Este será um espaço de partilha e de encontro dos Jovens do Arciprestado de Vieira do Minho. Participa com os teus comentários, testemunhos e outros contributos que aches úteis.
Segunda-feira, 23 de Outubro de 2006
Virtudes Humanas
 
Meditação: (busca interior, mobilização do pensamento, da imaginação, da emoção e do desejo)
 
            Meus irmãos: Vivei de maneira digna do Evangelho de Cristo para que, quer vá Ter convosco quer continue ausente, oiça dizer de vós que permaneceis firmes no mesmo espírito, combatendo juntos e numa só alma pela fé do Evangelho, sem vos deixar atemorizar em nada pelos adversários: o que é para eles sinal de perdição é para vós sinal de salvação, e isto vem de Deus, que vos concedeu a graça, não só de acreditares em Cristo mas também de sofrerdes por Ele, travando o mesmo combate que me vistes sustentar e, como ouvis dizer, sustento ainda.
 Portanto, se há em Cristo alguma consolação, algum conforto na caridade, se existe alguma participação nos dons do Espírito Santo, alguns sentimentos de ternura e misericórdia, então completai a minha alegria, tendo entre vós os mesmos sentimentos e a mesma caridade, numa só alma e num só coração.
 Não façais nada por rivalidade, nem por vanglória; mas, com humildade, considerai os outros superiores a vós, sem olhar cada um aos seus próprios interesses, mas aos interesses dos outros. Tende em vós os mesmos sentimentos que havia em Cristo Jesus.
                                                                                                       Fil 1,27-2,5
           
 
Eco: (repetição de frases de leitura e “ponte” para a nossa vida, oração espontânea)
 
 
Partilha: (momento essencial em que cada um, numa atitude de confiança, põe em comum a sua vida pessoal e reflete sobre a sua própria evolução espiritual)
 
Tema: (estudo e discussão de um tema para conseguir uma fé adulta e afirmar uma identidade cristã)
 
Se a mangueira de rega do teu jardim está furada em muitos sítios, a água escapar-se-á dela abundantemente e muito pouca te restará para regares as tuas plantas.
Se possuíres um potente automóvel dotado de cinco velocidades, mas, habitualmente, andas nele utilizando apenas a primeira, pouco avançarás e o teu motor acabará por gripar.
É, enfim, por essa razão que, às vezes, te inquietas, pois, dizes que «estás deprimido». Não deves espantar-te. A vida que tens para viver permanece a mesma, enquanto as forças que restam à tua disposição diminuem. Recorres então às tuas reservas. Pedes aos teus nervos o influxo vital que te falta. «Dopas-te» com todos os meios possíveis, e talvez artificialmente. Atenção! Se metes demasiada pressão, virá a depressão.
 
Perseverança
«A verdade é que não é preciso ser nenhum herói – confessas-me –   para, sem excentricidades nem hipocrisias, saber isolar-se quando for necessário, segundo os casos..., e perseverar». E acrescentas: «Desde que cumpra as normas que me deu, não me preocupam as intrigas e complicações do ambiente; o que me assustaria era Ter medo dessas insignificâncias» - Magnífico.
Carácter
Que a tua vida não seja uma vida estéril. Sê útil. Deixa rasto. Ilumina, com o resplendor da tua fé e do teu amor. Sê sereno...Por que te zangas, se zangando-te ofendes a Deus, incomodas os outros, passas tu mesmo um mau bocado... e por fim tens de te acalmar?
Fortaleza
Justiça
Temperança
Prudência
Ao lado da prudência, os moralistas evocam outros dinamismos que ajudam a agir bem, eficazmente e com alegria, nas grandes ocasiões da vida: a justiça que ajuda a dar a cada um o que lhe é devido, a temperança que ajuda a usar com sã moderação dos bens e dos prazeres da vida, e a fortaleza que ajuda a enfrentar as dificuldades e as provações da vida. Como todas as realidades morais, estas virtudes exigem ser exercitadas sob pena de se atrofiarem.
Ciência
Veracidade
Àquele que puder ser sábio, não lhe perdoamos que o não seja. Estuda.-Estuda com empenho.- Se tens de ser sal e luz, necessitas de ciência, de idoneidade. Ou julgas que, por seres cábula e comodista, hás-de receber ciência infusa?
O homem não tem fome apenas de pão e de liberdade; tem também fome de verdade. A inteligência do homem renegar-se-ia a si mesma se não buscasse a verdade, como se renega ao contentar-se com a boa fé e a sinceridade e não acolhendo o que Deus disse mediante a Revelação, os homens e acontecimentos.
Audácia
Serviço
Quando tiveres terminado o teu trabalho, faz o do teu irmão, ajudando-o, por Cristo, com tal delicadeza e naturalidade, que nem mesmo o favorecido repare que estás a fazer mais do que em justiça deves. Isso sim é fina virtude de filho de Deus.
Humildade
Não queiras ser como aquele catavento dourado do grande edificio; por muito que brilhe e por mais alto que esteja, não conta para a solidez da obra. Oxalá sejas sempre como um velho silhar oculto nos alicereces, debaixo da terra, onde ninguém te veja; por ti não desabará a casa.
Maturidade
Gravidade. Deixa esses meneios e caretas de menino ou de garoto. Que o teu porte exterior seja o reflexo da paz e da ordem do teu espírito
 
Mas és, igualmente capaz de retroceder em humanização, em personalização, em divinização, e , em caso extremo, em certos momentos, és mesmo capaz de te reanimalizares sozinho ou em grupo, ou em sociedade.
És livre. Cabe-te a ti escolher em que sentido desejas contruir-te e o que vais decidir para tentares consegui-lo.
É cristão Ter esse sentido da profundidade da presença de Deus em todas as coisas, mas para além de todas as coisas. O olhar do homem impregenado de fé vai longe. Ele vê o que os outros não vêem.
 
Ponto de esforço: (vontade de manter presente ao longo do mês o espírito da reunião e de afirmar numa acção concreta pessoal e em equipa a vontade de viver mais intensamente a própria fé)
 
Oração: (união com Cristo junto daqueles que se reunem em Seu nome)
 
 
Tomai Senhor e recebei, toda a minha liberdade,
A minha memória e todo o meu entendimento,
Toda a minha vontade e tudo o que eu possuo,
Vós mo deste a vós o restituo.
Tudo é vosso, disponde, segundo a vossa vontade
Daí-me apenas Senhor o Vosso Amor e Graça
Que isso me basta.

tags:

publicado por Padre às 03:27
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre Nós
pesquisar
 
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
29
30
31


posts recentes

O CVJ Leva-te a Madrid

Inscrições para as Jornad...

Cruz das JMJ em BRAGA!!

A carroça vazia

Peregrinação a S. Bento

Peregrinação Jovem a S. B...

Abertura do Ano Sacerdota...

Noite UP'S - Upa para o S...

Sacerdote raptado no Delt...

Papa explica levantamento...

Tristeza marca celebraçõe...

Igreja Católica

Jovem Catolico

Por que sou Católico?

Actriz de Hollywood num c...

Mensagem para XXII Jornad...

Caminho Quaresmal 2007 da...

Mensagem do Santo Padre p...

O padre é o “tem de”

Sacerdotes

Início do Ano Litúrgico n...

OBRIGADO!!!

Porque é que os cães não ...

Os jovens e a felicidade.

Laudes

A juventude na Igreja

Visitas pastorais

Visitas Pastorais ao Arci...

Happy Birthday

ECOGRAFIA - 10 Semanas

arquivos

Março 2011

Fevereiro 2011

Julho 2010

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Agosto 2008

Março 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

tags

todas as tags

links
Hit counter
online
manda um email
Caixa Postal